carregando...

Com Dira Paes, Presidente Lula recomenda amamentação prolongada

Arquivo 04/08/2008

Em seguida, foi a vez do Presidente da República dar seu depoimento pessoal e bem-humorado: “a amamentação, como disse nossa atriz, é muito mais que alimento. A experiência que tive com Marisa, que amamentou quatro de meus cinco filhos, alguns até dois anos e meio, foi ver que, lá em casa, o projeto Fome Zero existiu e a gente não queria achar porta de saída não. Quisemos que nossos filhos continuassem amamentados o tempo que fosse possível, até a meninada começar a incomodar e então fomos obrigados a fazer um acordo de paz”, brincou. “Penso que não há nada mais importante do que uma criança mamar o máximo que puder. Porque a saúde é uma coisa quase sagrada. Então só posso dar esse conselho de pai!”, disse.

Lembrando a contribuição de toda a família da madrinha, a presença do dr. Dioclécio e de muitas mães, o ministro da Saúde, José Gomes Temporão, frisou que “a última pesquisa nacional de demografia e saúde mostrou que pouco mais de 40% dos bebês se alimentam apenas de leite materno ate o 6o mês. Mas por outro lado, mais de 90% das crianças que nascem de parto normal iniciam imediatamente a amamentação e sabemos os benefícios. Vamos lançar, ainda em agosto, a Rede Nacional Amamenta Brasil, com objetivo de aumentar a percentagem de bebês que se alimentam exclusivamente no peito até os seis meses, garantindo assim uma vida melhor”.

Dira Paes posou com o filho Inácio, aos dois meses, e a mãe, dona Flor, para o cartaz que está sendo distribuído a postos de saúde, hospitais, escolas e instituições em geral e chama a atenção para o tema desse ano, com a frase: “Nada mais natural que amamentar. Nada mais importante que apoiar”. A SBP também produziu um filme e umspot para a divulgação na televisão e no rádio. O ato inaugural da Semana ocorreu no campus de Manguinhos, aberto pelo presidente da Fundação Oswaldo Cruz, Paulo Buss, e contando também com a presença do governador do estado Sergio Cabral, entre outras autoridades. Antes, Dira, Inácio, seu pai Pablo Baião, a avó, dona Flor e o tio Pedro Paes, juntamente com diretores da SBP, da Área da Criança e Aleitamento Materno do Ministério, das Secretarias de Saúde do Estado e do município do Rio de Janeiro, se encontraram com um grupo de mães e crianças convidadas para o evento. Ao final, a madrinha assistiu um balé.

Orientação

A recomendação da SBP, do MS e da OMS é que as crianças sejam amamentadas até osdois anos ou mais, sendo nos primeiros seis meses alimentadas somente com o leite materno (e a partir daí recebam também outros alimentos saudáveis). O objetivo da Semana, esse ano, é lembrar a necessidade do apoio de todos – sobretudo da família, mas também de amigos, profissionais da saúde, educadores, meios de comunicação, empresas e governos –, para que a mulher tenha tranqüilidade, segurança e informação, e possa alimentar o filho com seu leite e seu afeto.

Veja o cartaz e o folheto da campanha

 

Conteúdos publicados na imprensa

De cada 100 bebês, apenas 43 mamam logo ao nascer (O Dia, 2/08/2008)

Semana da Amamentação pede apoio da família à lactante (Extra, 2/08/2008)

Bebê brasileiro toma só leite materno por apenas dois meses (Ricardo Westin, Folha de S. Paulo, Cotidiano, 01/08/08)

Entrevista da dra. Graciete Vieira sobre importância da amamentação e ampliação da licença-maternidade (Jornal Futura, Futura, 01/08/08).

Dira Paes com Flor e Inácio. Três gerações em campanha de amamentação (Caras, 1/08/2008).

Amamentar é preciso (Revista Flash, 1/08/2008).

Entrevista da dra. Lúcia Rolim (Sem Censura, TV Brasil 29/07/2008.)

Semana Mundial da Amamentação de 2008 enfatiza apoio à lactante (Maria Vianna, GloboOnline, 30/07/2008).

Brasil se torna referência mundial em leite materno (Bom Dia Brasil, TV Globo, 27/07/2008).

Por uma boa causa (Revista Viva Mais!, 25/07/2008).

Dira Paes e a maternidade: confissões de uma mãe de primeira viagem (Revista Crescer, 19/07/2008).

Conheça Inácio… (Patrícia Kogut, O Globo, 12/07/08).