carregando...

SBP recebe esclarecimentos da Secretaria Municipal de Saúde do RJ

Arquivo 30/06/2010

Esclarecimento da Secretaria Municipal de Saúde e Defesa Civil do Rio de Janeiro

Sobre a nota divulgada pela Sociedade Brasileira de Pediatria em seu portal, referente a declarações do secretário municipal de Saúde e Defesa Civil, Hans Dohmann, a Secretaria Municipal de Saúde e Defesa Civil do Rio (SMSDC) informa:

– O secretário municipal de Saúde e Defesa Civil do Rio de Janeiro, Hans Dohmann, e o presidente da Sociedade de Pediatria do Estado do Rio de Janeiro (Soperj), Edson Liberal, reuniram-se no dia 03 de maio de 2010, no Gabinete da Secretaria Municipal de Saúde e Defesa Civil do Rio de Janeiro (SMSDC).

– Na ocasião, ficou acertada a realização de um seminário em conjunto entre a SMSDC e a Soperj, para discutir os desafios de alocação de pediatras na expansão da Rede Municipal de Pronto Atendimento. Nos últimos anos, estava ocorrendo uma queda na procura por esta especialidade médica. No encontro, também foi acenado que em 2010 houve uma reversão desse cenário, com crescimento no número de inscritos para a prova de especialistas.

– Não foi de fato tratado nenhum treinamento para não pediatras e a intenção da SMSDC é discutir este e outros pontos no seminário proposto.

– Atualmente, a SMSDC prioriza as políticas de saúde como nunca aconteceu neste município. Um reflexo disso é o fato de, pela primeira vez, a saúde ser a área de resultado da Prefeitura com mais recursos alocados em seu Plano Plurianual (PPA).

– Neste cenário, a saúde da criança é uma das prioridades, refletida pelo compromisso público de redução da mortalidade infantil, ainda alta em algumas regiões da cidade. Também há um trabalho em parceria com a Secretaria Municipal de Educação, realizando ações e serviços de saúde nos EDIs (Espaços de Desenvolvimento Infantil) e por meio do Programa de Saúde Escolar.

– Outro sinal dessa prioridade é o investimento no pronto atendimento pediátrico, com oferta de postos de trabalho com remuneração equiparável aos melhores centros privados da cidade, com material e ambientes adequados.

– Ficamos felizes com a visão da Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) de que não faltam pediatras, pois isso nos torna confiantes em relação ao preenchimento dos postos de trabalho nesta expansão histórica dos serviços.

– Nossa intenção é trabalhar de forma democrática e coletiva para oferecer aos cidadãos o atendimento de qualidade que merecem e, para isso, a contribuição da SBP, junto à Soperj e a SMSDC é sempre bem-vinda.