Amamentação traz benefícios para o bebê e a mãe

A amamentação é um dos momentos mais importantes para aumentar o laço afetivo entre mãe e filho, com grandes vantagens para ambos. O leite materno dado ao bebê após o parto faz o útero voltar ao tamanho normal mais rápido e diminui o sangramento, prevenindo a anemia materna e reduzindo o risco de câncer de mama e ovários.

Para a criança, também há ganhos. Protege contra doenças, previne a formação incorreta dos dentes e problemas na fala, proporciona melhor desenvolvimento e crescimento, além de ser um alimento completo, dispensando água ou outras comidas até os seis primeiros meses de vida do bebê.

O leite materno é o alimento mais completo que um bebê pode receber desde o seu nascimento. Afinal, mesmo nos partos cirúrgicos (cesárea), ele deve sugar na primeira hora de vida para acelerar a descida do leite, receber as defesas da mãe e fortalecer o vínculo entre os dois.  

Para a coordenadora do Departamento de Aleitamento Materno da SGP (Sociedade Goiana de Pediatria), Simone Ramos, o objetivo do Agosto Dourado é mostrar a influência do aleitamento materno na saúde do ser humano, pois o tempo e a maneira que uma criança é amamentada interfere no resto da sua vida. “Hoje temos estudos que relacionam a amamentação exclusiva até os 6 meses do bebê com o aumento da sua inteligência, situação financeira no futuro, e a prevenção de várias doenças, inclusive a leucemia”, explica a pediatra.

Outra vantagem é a diminuição do risco de morte de crianças amamentadas exclusivamente até os 6 meses é 41% menor do que de crianças em aleitamento materno predominante, que é quando, além do leite, o bebê é alimentado com água ou bebidas à base de água. Já em relação às crianças em aleitamento materno parcial, ou seja, que recebem outros tipos de leite além do da mãe, a ameaça é 78% menor, e 88% quando comparada aos bebês que não são amamentados.

Outros benefícios do aleitamento materno

Para o bebê:

  • Maior contato com a mãe
  • Melhora a digestão e minimiza as cólicas
  • Desenvolve a inteligência quanto maior o tempo de amamentação
  • Reduz o risco de doenças alérgicas
  • Diminui as chances de desenvolver doença de Crohn e linfoma
  • Estimula e fortalece a arcada dentária
  • Previne contra doenças contagiosas, como a diarreia

Para a mãe:

  • Diminui o sangramento no pós-parto
  • Acelera a perda de peso
  • Reduz a incidência de câncer de mama, ovário e endométrio
  • Evita a osteoporose
  • Protege contra doenças cardiovasculares, como o infarto

Agosto Dourado

Destacar a importância do aleitamento materno é tão necessário que até uma lei federal foi sancionada no último ano para definição do mês atual como “Agosto Dourado”. Trata-se de uma alusão ao Dia Mundial da Amamentação, comemorado em 1º de agosto, e à SMAM (Semana Mundial do Aleitamento Materno), que vai de 1 a 7 de agosto, além das ações realizadas na área da saúde, inclusive pela SGP, para promoção da amamentação.



Nossos Endereços



Endereço: Av. Portugal N˚ 1052, Setor Marista, 74150-030

Telefone: (62) 3251-5175

E-mail: sogoped@gmail.com