Associe-se

Balanço da atuação dos Departamentos Científicos revela grande produtividade e conquistas durante a atual gestão da SBP

Relatos de atividade intensa, com a produção de documentos científicos de interesse para a comunidade médica e a população, além de movimentos articulados e estratégicos em defesa do bom atendimento pediátrico, sempre se pautando pela qualificação da assistência oferecida aos pacientes de zero a 19 anos. Essa foi a tônica da segunda reunião da diretoria da Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) com os presidentes dos seus 32 Departamentos Científicos (DCs), desde a posse da atual gestão, em junho de 2016. A primeira aconteceu em 2017, em Salvador (BA).

No encontro, realizado em São Paulo (SP) no último sábado (6), cada líder fez um breve relato sobre os resultados alcançados e dr. Dirceu Solé, diretor encarregado de coordenar a atuação dos DCs, apresentou um balanço geral dos trabalhos. De acordo com os números, ao longo dos últimos quase 30 meses (contabilizados a partir da posse dos novos diretores e presidentes), foram produzidos e divulgados mais de cem documentos científicos.

PARCERIAS – Dentre eles, destacam-se alguns que exigiram uma articulação entre diferentes Departamentos e até entidades, com parcerias entre a SBP e outras sociedades de especialidades ou com ação no campo da saúde. São títulos que podem ser classificados como guias práticos de atualização, manuais de orientação, consensos, diretrizes, entre outros.

“Entre os destaques, podemos citar o Guia de Fotoproteção, o Consenso de Traqueostomia, as Diretrizes sobre o VSR e o Consenso sobre Rinite. Também houve a divulgação do Consenso de Alergia Alimentar, Diretrizes sobre Anemia, o Guia de Saúde Oral Materno Infantil, entre outros”, lembrou dr Dirceu Solé, que agradeceu o empenho dos presidentes dos DCs e dos outros membros dos grupos que têm se desdobrado para atingir as metas estabelecidas.

“A impressão que ficou entre os participantes é de que nunca a SBP contou com um time tão engajado quanto o atual, o que tem contribuído para que a entidade conquiste mais espaço em diferentes áreas: no fortalecimento técnico-científicos dos pediatras; nos debates para formulação de políticas públicas na área da saúde; no estreitamento do diálogo com os especialistas (associados ou não); e com a população em geral, ao se mostrar atenta às suas necessidades”, destacou a presidente da Sociedade, dra Luciana Rodrigues Silva.

PILARES – Para ela, os Departamentos Científicos são pilares para a ação da SBP. “Graças a eles temos conseguido oferecer aos pediatras informações técnicas e cientificas atualizadas, o que permite que nossos especialistas tenham uma ação para eficaz na prevenção, diagnóstico e tratamento de doenças e também na promoção de comportamentos e hábitos saudáveis”, ressaltou ao apontar o desafio para o próximo período: manter a produtividade, sem perder a consistência e a qualidade.

Outra tarefa imediata que recai sobre cada DC é o encaminhamento de propostas para a montagem da programação científica do 39º Congresso Brasileiro de Pediatria, previsto para acontecer em outubro de 2019, em Porto Alegre (RS). As sugestões de temas e palestrantes serão enviadas às Diretorias de Departamentos Científicos e de Cursos e Eventos para análise.

Também ouviram as exposições, em São Paulo, dr. Clóvis Constantino, 1º vice-presidente; dr. Edson Ferreira Liberal, 2° vice-presidente; e dr. Sidnei Ferreira, secretário-geral; que puderam constatar outros dados que confirmam a excelência das ações da SBP. Dentre os números destacados por dr. Dirceu Solé estão os das inúmeras frentes de capacitação de especialistas e outros profissionais da saúde coordenadas pela SBP.

EDUCAÇÃO – Na oportunidade, dr. Solé também deixou evidente que o incentivo à produção científica e o apoio aos programas de atualização e educação continuada foram fortalecidos de forma a oferecer instrumentos suficientes para o aprimoramento e a formação dos pediatras associados. Além de livros, documentos científicos, consensos e diretrizes, ele destacou o sucesso dos Programas de Reanimação Pediátrica (PALS) e o de Reanimação Neonatal (PRN), bem como o Curso de Aprimoramento em Nutrologia Pediátrica (CANP).

De forma complementar, os cursos realizados pela SBP em parceria com o Sistema de Educação Continuada à Distância, já contam com milhares de inscritos. O Programa Nacional de Educação Continuada em Pediatria (Pronap) se consolidou como um sucesso, com mais de 15 mil inscritos desde 2016. Já o Programa de Atualização em Emergência Pediátrica (Proemped), criado nesta gestão, teve mais de 5,2 mil inscritos.

Além destes, foram cerca de 10,4 mil inscritos no Programa de Atualização em Neonatologia (PRORN), quase seis mil no Programa de Atualização em Terapia Intensiva Pediátrica (Protiped) e 12,6 mil no Programa de Atualização em Terapêutica Pediátrica (Proped) desde 2016.

Eventos
Nossos Endereços

SBP-Sede • R. Santa Clara, 292 - Rio de Janeiro (RJ) - CEP: 22041-012 • 21 2548-1999 

FSBP • Alameda Jaú, 1742 – sala 51 - São Paulo (SP) - CEP: 01420-002 • 11 3068-8595 / 8618 / 8901 / 8675 • Fax: 3081-6892 

SBP-RS • R. Carlos Gomes, 328/305 - Porto Alegre (RS) - CEP: 90480-000 • 51 3328-9270 / 9520 

Memorial • Rua Cosme Velho, 381 - Cosme Velho (RJ) - CEP: 22241-125 • 21 2245-3110