carregando...

Pedro de Alcântara (1954): catedrático dos pediatras paulistas

Pedro de Alcântara Marcondes Machado nasceu em 1901, em São Paulo, e concluiu a Faculdade de Medicina e Cirurgia de São Paulo em 1924, especializando-se em Higiene. Em 1927, foi aprovado em concurso e começou a lecionar no Ginásio do Estado da capital. No mesmo ano, iniciou sua carreira de pediatra como assistente voluntário no Pavilhão Condessa Penteado, da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo, que sediava a Clínica Pediátrica de Faculdade de Medicina de São Paulo.

Em 1933, transferiu-se para o Instituto de Higiene, onde lecionou Higiene da Primeira Infância para educadoras sanitárias e, no mesmo ano, foi um dos fundadores da Escola Paulista de Medicina, hoje incorporada à Universidade Federal de São Paulo. Em 1945, transformou a cadeira de Higiene da Primeira Infância na Cátedra de Puericultura da antiga Faculdade de Higiene Pública de SP. Pertenceu também ao Conselho Técnico e Administrativo da instituição por 10 anos.

Lecionou por mais de 20 anos na Faculdade de Higiene Pública de São Paulo, na Escola Paulista de Medicina e na Universidade de São Paulo, formando gerações de pediatras.

Estreitou os vínculos existentes entre a saúde da criança e sua situação sócio-econômica. Em sua trajetória profissional, dedicou-se aos estudos sobre o tema e a sobre a mortalidade infantil. Para ele, a mortalidade infantil estava relacionada a causas sociais, como pobreza, desnutrição, desinformação e carência de atendimento médico, principalmente em cidades distantes da capital. Publicou vários trabalhos sobre mortalidade infantil, incluindo Mortalidade Infantil: causas e remédios de ordem sanitária, divulgando idéias que foram objeto de intensa controvérsia na época.

Foi presidente da Sociedade Brasileira de Pediatria em 1954 e indicado a patrono da cadeira 10 de seu Conselho Acadêmico. Também foi membro da Sociedade Paulista de Pediatria e foi homenageado pela entidade com a Medalha de Honra da Sociedade em 1975.

Além da Medicina, dedicou-se à pintura e às artes. Foi membro do Conselho Administrativo do Museu de Arte Contemporânea de São Paulo e participou de inúmeras conferências e palestras em eventos ligados a arte.