carregando...

Bebês sob o sol

Saiu na imprensa 05/03/2015

Tudo o que você precisa saber para garantir a proteção da pele do seu filho nos passeios ao ar livre

Por Malu Echeverria

crescerVai dar uma voltinha com o seu filho? Seja na praia, no parque ou na rua, todo cuidado é pouco quando a pele dos pequenos é exposta ao sol. “No caso dos bebês, ela é mais fina e imatura se comparada a de um adulto, o que a torna mais frágil também”, alerta o dermatologista Dolival Lobão, chefe do Serviço de Dermatologia do Instituto Nacional do Câncer (Inca), no Rio de Janeiro.

(…) Nos últimos anos, entretanto, por conta das inúmeras descobertas em relação aos malefícios causados pela exposição prolongada ao sol, o tema se tornou controverso. Segundo a dermatologista Kerstin Abagge, presidente do Departamento de Dermatologia da Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP), a exposição direta do bebê ao sol com a finalidade de obter vitamina D não é mais indicada. Ele pode se expor apenas indiretamente (em um passeio no parque, de carrinho, por exemplo), desde que protegido por chapéu, roupas e sombrinha. Para garantir a ingestão do nutriente, recomenda-se a suplementação de vitamina D até os 6 meses de vida, enquanto os bebês são amamentados exclusivamente no peito.

Leia mais