carregando...

Febre amarela tem cartilha para orientar sobre vacinação de crianças

28/03/2017

Bom dia Brasil

Publicado em 27 de março de 2017.

A Sociedade Brasileira de Pediatria iniciou uma ofensiva para tirar todas das dúvidas sobre a vacina da febre amarela. Um novo manual para orientar médicos e pacientes sobre quem deve ser vacinado e quem não deve. Desde que a doença reapareceu, já são quase 500 casos confirmados e 162 mortes.

(…) O documento será distribuído aos médicos para auxiliar a orientação clínica. 

(…) O médico Marcos Lago, da Sociedade Brasileira de Pediatria, esclarece que reações fracas, como mal-estar e febre, podem, sim, acontecer. Mas são muito raras e geralmente sem consequências. “Essa é uma vacina segura, ela já existe há mais de 40 anos, então é uma vacina com pouquíssimo efeito colateral, as mães podem ter confiança, os efeitos colaterais são extremamente raros e o custo-benefício é muito mais favorável à criança do que os efeitos colaterais da vacina”, explicou o especialista. 

Clique aqui e assista ao vídeo.