carregando...

Semana Mundial da Amamentação de 2008 enfatiza apoio à lactante

Saiu na imprensa 30/07/2008

dira smam

RIO – Nesta sexta-feira, a Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) lança a 17ª Semana Mundial da Amamentação, com o tema “Nada mais natural que amamentar. Nada mais importante que apoiar”. A idéia é frisar não só da importância do leite materno para o desenvolvimento do bebê, como também lembrar que o apoio e a participação de toda a família é fundamental para o bem-estar da mãe e da criança nos primeiros meses após o parto. (Tire suas dúvidas sobre amamentação)

A atriz Dira Paes é a madrinha deste ano, e estrela a campanha ao lado de sua mãe, Flor, e do pequeno Inácio, de apenas três meses, fruto de sua união com o cinegrafista Pablo Baião.

– Eu fiquei muito feliz de ser madrinha da campanha. Estava radiante com a idéia de ser mãe e queria transmitir para as pessoas um pouco deste sentimento. A amamentação não é só a alimentação do corpo, mas também a alimentação da alma do bebê. Você está alimentando o bebê com carinho, amor, cumplicidade, segurança. Para a mãe os benefícios também são infinitos. É um momento mágico poder prover a alimentação ao seu filho – explica a atriz.

O apoio da mãe, diz Dira, foi fundamental para que ela se sentisse mais segura nas primeiras semanas com o recém-nascido. Flor, que veio de Belém para cuidar da filha e paparicar o netinho, é mãe de sete filhos e avó de onze crianças e sabe bem da importância do leite materno.

– Amamentei meus sete filhos. Dira mamou mais de um ano – lembra ela.

A avó de Inácio passou quase três meses ao lado da filha Dira, dando apoio ao que ela precisasse nesta nova fase da família.

– Minha mãe é uma pessoa fundamental na minha vida. Seu carinho, atenção, dedicação e sabedoria me ajudaram muito neste momento. Ela não poderia estar longe agora. Dei sorte porque conto também com o apoio muito grande dos meus sogros, que são avós pela primeira vez. Todos estão acompanhando de perto, me sinto muito amparada. Sem falar no meu marido, Pablo, que tem sido um ótimo pai, dividindo todas as tarefas. Ter filhos, na verdade, é um símbolo de união da família inteira – completa.

O melhor alimento para o bebê

O leite materno deve ser o único alimento do bebê em seus primeiros seis meses de vida, de acordo com a Organização Mundial de Saúde. Esta também é a recomendação da Sociedade Brasileira de Pediatria e do Ministério da Saúde, que incentivam a amamentação até que a criança complete três anos. (Clique aqui e leia o folheto da campanha na íntegra)

A pediatra Graciete Vieira, presidente do Departamento de Aleitamento da SBP, lembra que o leite materno é a melhor fonte de nutrientes para a criança. (Leia mais: No blog Mães em Rede, dicas para evitar cólicas no bebê)

– O alimento contém as quantidades adequadas de açúcar, gordura e proteínas para o crescimento adequado do bebê. Além disso, apresenta também benefícios imunológicos – as crianças amamentadas adoecem menos e apresentam menor incidência de diarréia, infecção respiratória, infecção urinária, alergias, doenças intestinais inflamatórias – e exerce influências positivas inclusive no desenvolvimento intelectual e emocional, na prevenção da obesidade, hipertensão, diabetes – ensina a médica. (Conheça os grupos de apoio à lactante)

O aleitamento também traz outros benefícios para a mãe e para a criança. Além de estreitar os laços e criar vínculos afetivos fortes com o recém-nascido, a amamentação ajuda a acalmar o bebê, estimula a contração do útero da mulher e ajuda a diminuir a incidência de uma série de doenças, entre elas a diabetes e a osteoporose.