carregando...

Centro de Eventos do Ceará será o palco do 38º Congresso Brasileiro de Pediatria, em 2017

SBP em Ação 05/09/2016
38cbp2017
Da esquerda para a direita: Rosaly Cavalcante (diretora do CEC), dras. Anamaria Cavalcante (presidente do 38º Congresso Brasileiro de Pediatria), Luciana Silva (presidente da SBP), Maria Francielze Lavor (presidente da SOCEP), Edson Ferreira Liberal (2º vice-presidente da SBP) e Lílian Sadeck (diretora de Cursos e Eventos da SBP).

Com área total de 76 mil metros quadrados, o Centro de Eventos do Ceará (CEC), localizado em Fortaleza, será a sede do 38º Congresso Brasileiro de Pediatria, o mais importante evento da especialidade no Brasil. Trata-se do mais moderno espaço do gênero na América Latina e o segundo maior do Brasil em termos de espaço útil, contando com climatização e iluminação inteligentes; isolamento acústico; instalações elétricas e sistemas de sonorização ambiente, de comunicação e de telefonia de última geração.

Uma equipe – formada pela dra Luciana Rodrigues Silva, presidente da Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP); pela dra Lilian Rodrigues Sadeck, diretora de Cursos e Eventos da entidade; pelo professor Edson Liberal, vice-presidente da Sociedade; pela professora Anamaria Cavalcante e Silva, presidente do 38º Congresso Brasileiro de Pediatria, e pela professora Maria Francielze Holanda Lavor, presidente da Sociedade Cearense de Pediatria – esteve no local para vistoriar as instalações.

BOA IMPRESSÃO - Na visita, realizada em 18 de agosto, os representantes dos pediatras brasileiros ficaram impressionados com o cenário encontrado. Na avaliação de todos, o Centro de Eventos do Ceará apresenta instalações e localização adequadas para sediar o encontro nacional, possuindo o espaço necessário para a realização dos eventos propostos, com conforto e comodidade para os participantes e palestrantes.

Um dos pontos destacados no relatório de visita foi a boa distribuição das instalações, que permite a realização de várias atividades e reuniões simultâneas. O 38º Congresso Brasileiro de Pediatra será realizado de 11 a 15 de outubro de 2017, sendo o primeiro dia dedicado aos cursos pré-congresso, ficando a abertura oficial agendada para o dia 12.

O Centro de Eventos do Ceará possui condições de receber as atividades concomitantes previstas, como salas para 250 lugares, onde poderão ocorrer reuniões dos Departamentos Científicos, formações e provas práticas de Títulos de Especialidade; e nove anfiteatros com capacidade de 500 a 1500 lugares, em condições de receber os Congressos de Reumatologia Pediátrica, Otorrinolaringologia Pediátrica, Ensino e Pesquisa, Aleitamento Materno, Residência Médica, Ligas de Pediatria e Atividade com a Comunidade.

POSTERES - Além disso, o Centro de Eventos do Ceará conta com uma área de exposição de cerca de 8 mil metros quadrados e um espaço de convivência para restaurante e apresentação de pôsteres. Toda esta estrutura já está reservada e se encontra no Pavilhão Oeste, que pode ser divido em cinco espaços (Pecém, Taíba, Mundaú, Almofala e Jericoacoara), por meio de divisórias dobráveis de 13,65 metros de altura.

No total, o 38º Congresso contará com 23.950 metros quadrados, supridos de ar condicionado, iluminação e wi-fi, para receber os pediatras brasileiros inscritos. O local escolhido ainda se caracteriza por obedecer a parâmetros internacionais vigentes de acessibilidade às pessoas com dificuldades de locomoção e de respeito ao meio ambiente, o que demonstra seu compromisso com a sustentabilidade e os direitos individuais, totalmente em harmonia com a visão da SBP, ainda contribuindo para a racionalização de custos e o fim do desperdício.

Finalmente, a equipe considerou importante a acessibilidade ao Centro de Eventos do Ceará, que também é beneficiado por uma estação de metrô (da Linha Leste), ligando os bairros Centro, Aldeota-Meireles e Varjota até a região da Washington Soares. Outra medida que facilitará a rotina dos inscritos no 38º Congresso é a informação dada pela Secretaria do Turismo (Setur) de que foram tomadas medidas para melhorar o fluxo de transito na região, com a construção de túneis e a retirada de alguns semáforos.