Páginas 08 e 09 - SBP em Ação


Página 07

Portal com novo visual

Para facilitar o acesso dos sócios e do público, o Portal da SBP vai ganhar “roupa nova”. Exemplo do constante processo de aperfeiçoamento, a mudança trará um novo conceito visual às páginas. Continuarão disponíveis as informações sobre a SBP e sua estrutura, cursos e eventos realizados pela entidade, materiais produzidos pelos Grupos de Trabalho e pelos Departamentos Científicos, dados sobre as campanhas e textos informativos para pais, crianças e adolescentes – espaço que reserva publicações como o Manual “Escolas Promotoras de Saúde” e a Cartilha “Direitos da Criança e do Adolescente Hospitalizado”, e textos sobre temas como “Obesidade”, “Acompanhe a evolução da visão de seu filho” e “Esportes e o uso indevido de anabolizantes”. Além disto, o programa de “Atualização Continuada à Distância” segue com as palestras mensais e gratuitas para os sócios, que têm a oportunidade de interagir com os especialistas pela “caixa de diálogo” . Veja o cronograma e acesse o www.sbp.com.br!

Veja: Programa de atualização continuada à Distância 2005

Projeto Diretrizes

Em três volumes, o Projeto Diretrizes, da Associação Médica Brasileira apresenta orientações diagnósticas, terapêuticas e, quando aplicáveis, preventivas, baseadas em evidências científicas. A SBP contribuiu com 20 Diretrizes, como as temáticas em Asma Brônquica, Febre Reumática, 17 sobre vacinas e o Consenso em Infectologia, focado na Meningite Bacteriana. Ao todo, são 120 Diretrizes, elaboradas pela AMB e pelas sociedades de especialidades, com apoio do Conselho Federal de Medicina. Os livros podem ser solicitados pelo tel. (11) 3178-6800 ou pelo endereço administração@amb.com.br. O preço para sócios da SBP e demais filiadas à AMB é R$40,00 por volume, mais R$10,00 para o envio pelo Correio. Para quem quiser receber os três o preço é R$100,00, mais R$20,00 pelo envio postal. Mais informações podem ser encontradas no portal www.amb.org.br.

Consultas de Puericultura em Maringá

A Unimed de Maringá (PR) tem implantado importantes projetos da SBP. Há dois anos estão em vigor o Procedimentos Padronizados em Pediatria (PPP) e também o que disponibiliza consultas de puericultura para as crianças de até um ano. Segundo o coordenador da Pediatria da singular, Drº. Antonio Carlos Sanseverino Filho, “seguindo orientação da Sociedade, por serem consultas de maior complexidade e duração, estas também têm uma remuneração diferenciada, correspondente a duas vezes a da consulta clínica”. E completa: “Temos certeza que valorizando o trabalho do pediatra no acompanhamento das crianças no primeiro ano de vida isso se reflete na melhoria da saúde das crianças. Esperamos que outras cooperativas sigam o exemplo”, finaliza o Drº. Sanseverino.

Seminário sobre Pacto de Redução de Mortalidade Materna e Neonatal

Representando o Drº. Dioclécio Campos Jr. e a Sociedade de Pediatria do Rio de Janeiro (SOPERJ), respectivamente, dras. Marilene Crispino e Leda Amar, presidente e diretora da filiada, compareceram ao Seminário sobre o Pacto de Redução da Mortalidade Materna e Neonatal, realizado em maio, no Hospital dos Servidores, na capital. Segundo a diretora da SOPERJ, representantes das secretarias municipais e de instituições e organizações voltadas para a defesa dos direitos da mulher, da criança e do adolescente participaram do evento, promovido pelo Programa de Atenção Integral à Saúde da Mãe, Criança e Adolescente (PAISMCA/RJ) da Secretaria Estadual de Saúde. O objetivo foi lançar o Pacto do Ministério da Saúde no estado. “Cada município expôs suas dificuldades em relação aos partos e nascimentos de bebês”, informa a Drª. Leda Amar.

Na abertura, Drª. Marilene Crispino ressaltou que a SBP e as filiadas, integrantes da Comissão Nacional de Monitoramento e Avaliação da Implementação do Pacto, estão lado a lado com as demais instituições que se preocupam com a capacitação permanente dos profissionais envolvidos com a atenção obstétrica e neonatal e, conseqüentemente, com a saúde e o bem-estar de crianças e adolescentes. Ressaltou a importância de “uma ação conjunta e integrada”, capaz de reverter essa mortalidade, cujo patamar é “inaceitável”. Os presentes receberam os “10 passos para melhoria da assistência obstétrica e redução da mortalidade materna”, criado pelo PAISMCA / RJ, em parceria com Universidade Estadual do Rio de Janeiro, Universidade Federal Fluminense e Instituto Fernandes Figueira.

Contracheques no SUS

Segundo a portaria nº 58 da Secretaria de Atenção à Saúde, publicada no Diário Oficial da união em dezembro do ano passado, “está suspensa, desde janeiro de 2005, a emissão e o envio, via postal, dos contracheques relativos à produção do Sistema de Informação Hospitalar (SIH), tanto para pessoa física, quanto jurídica, para os estados e municípios em gestão plena do sistema”. Assim, os médicos devem solicitar os contracheques diretamente dos hospitais ou das secretarias estaduais e municipais, de acordo com a sua forma de contratação. Os estados e municípios têm acesso a todos os arquivos de produção pelo sistema informatizado DATASUS. Dúvidas podem ser esclarecidas com a Coordenação Geral do Sistema de Informação, no Ministério da Saúde, pelo telefone (61) 3315 -2698 ou pelo endereço cgsi@saude.gov.br.

Títulos

Abertas no dia 15 de junho, as inscrições para o Certificado de Especialista em Pediatria com Área de Atuação em Neonatologia (TEN) se encerram em 30 de julho, quando também termina o prazo para os candidatos ao Certificados de Especialista em Pediatria com Área de Atuação em Endocrinologia Pediátrica. Ambos os editais estão no portal da Sociedade. Informe-se também pelo www.sbp.com.br sobre as provas para os Certificados de Especialista em Pediatria com Área de Atuação em Gastroenterologia Pediátrica.

Veja: Agenda SBP - 2005

Ministro do Esporte no IV Fórum do Conselho Acadêmico

Com as presenças de convidados como o ministro do Esporte, Agnelo Queiroz, e o atleta olímpico Lars Grael, o IV Fórum do Conselho Acadêmico “As transformações da Família e da Sociedade e seu Impacto na Infância e na Juventude” será realizado em Vitória (ES) nos dias 05 e 06 de agosto. Presidido pelo Drº. Júlio Dickstein, está sendo organizado pela Sociedade Espiritossantense de Pediatria (SOESPE), com o apoio da Nestlé. O presidente do Conselho, Drº. Reinaldo Martins, comenta que serão “apresentações curtas, com intervalos razoáveis para estimular interações e iniciativas que visem a saúde e o bem- estar de crianças e adolescentes”. As vagas são limitadas e as inscrições individuais, gratuitas e podem ser feitas pelo tel. (41) 3022-1247 ou pelo portal www.forumcasbp2005.com.br, onde também está o programa completo. A seguir, um resumo:

Dia 5/8/05
8h. Abertura, com participação do Coral Infanto-Juvenil “Em Terra Vermelha";
Violência e drogas
9h. “Violência e drogas na infância e adolescência. Uma abordagem psico-social”, com Kleber Jean Matos Lopes; “A fragilização da família e o trabalho da mulher e dos filhos nos dias atuais”, com Ana Maria Serpa; “A importância da família na formação da personalidade”, com Maria Elizabeth Barros; Debate; Intervalo; Lançamento do Livro das Famílias - Conversando sobre a Vida e sobre os Filhos, com Suely Ferreira Deslandes e Simone Gonçalves de Assis; Visita aos pôsteres.
Responsabilidade social das Empresas
14h. Com Carlos Faccina; Robson de Almeida Melo e Silva; Rodrigo Franklin Santos;
 

Dia 6 /8/ 05
Esporte e lazer
9h. O Esporte como Instrumento na Promoção da Vida, com o Ministro Agnelo Queiroz;
Esporte: resgate Social e profissionalização, com José Antonio Nunes Rodrigues; Lançamento da monografia sobre Carlos Arthur Moncorvo Filho, de Edward Tonelli; Visita aos pôsteres.
O adolescente e suas dificuldades hoje
14h: “Psicologia da obesidade na adolescência”, com Patrícia Vieira Spada;/ “Inserção do adolescente no mercado de trabalho”, com Regina da Silva Moreira, coordenadora do programa Mundo do Trabalho da Fundação São Martinho; “Como lidar com os conflitos mais freqüentes na adolescência”, com Maria Tereza Maldonado; Debate; Encerramento.

ECA faz 15 anos

No dia 13 de julho o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) completou 15 anos. “É uma lei nova, mas creio que, apesar das dificuldades, já existem importantes avanços”, diz Drª. Alda Elizabeth Iglesias Azevedo, representante da SBP no Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente (Conanda), lembrando a importância da mudança “de eixo”, do Código de Menores para o “conceito de atendimento integral, no qual todos – e não apenas os que estão em situação irregular – são alvo de políticas públicas”.

Nos estados, as Sociedades de Pediatria também vem dando a sua contribuição. No Distrito Federal, a filiada mantém um trabalho junto à Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente e, marcando o aniversário do ECA, realizou palestras sobre “violência”, com a Drª. Selma Carmona, da DPCA, e sobre “direitos”, com a Srª. Maria do Socorro Tabosa, do Ministério de Justiça. Antes, o Grupo de Dança “Adolescentes do Varjão” se apresentou, seguido de mesa-redonda coordenada pelo Drº. Dennis Burns, presidente da filiada.

No Mato Grosso, a Sociedade de Pediatria participa do Conselho Estadual de Direitos desde a sua fundação. O presidente da filiada, Drº. José Rubens Zaitune, foi eleito também agora para a presidência do Conselho e o Drº. Euze Marcio Carvalho é suplente. A entidade também está presente no Conselho Municipal, e na secretaria Executiva do Fórum DCA, integrado por instituições da sociedade civil. Dra. Alda Elizabeth é a representante no Grupo de Trabalho Rede de Prevenção à Violência contra a Criança e o Adolescente e na Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE).

Em Palmas, a Sociedade Tocantinense de Pediatria faz parte do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente. Para o Drº. Reynaldo Sérgio Telles, o representante da entidade e vice-presidente do Conselho, “existe muito a ser feito” e é fundamental que “cada profissional dê sua contribuição para uma mudança de consciência”.

No Espírito Santo, segundo a Drª. Mariângela Avellar – que representou a filiada no Conselho de Vitória – importantes lutas têm sido travadas. Cita como exemplo a campanha contra a violência na infância, para ela, a principal questão a ser enfrentada em defesa da infância e da adolescência no estado.

Também em Pernambuco, a “4ª Conferência da Criança e do Adolescente de Camaragibe – Inclusão Social”, em junho, priorizou o debate sobre a violência doméstica. Segundo a Drª. Luzia Chaves Souza Costa, presidente do Departamento Científico de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente da filiada, “depois de 15 anos, ainda temos muito a ser feito”. A filiada faz parte do “Movimento Integrado de Profissionais que Trabalham com Adolescentes”, que promove, anualmente, uma feira sobre a saúde da criança e do adolescente, com destaque para as questões sociais e os preceitos do Estatuto.

A Sociedade Paraibana integra a Rede Estadual de Assistência às Vítimas de Violência/ Secretaria Estadual de Saúde. A representante do Comitê de Monitoramento da Rede, Drª. Maria das Neves Marchii, também coordena o trabalho no serviço de referência para a assistência de crianças e adolescentes vítimas, no Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena.

No Rio de Janeiro, Drª. Rachel Niskier representa a Sociedade de Pediatria do Rio de Janeiro no Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente (CEDCA), e participou, no dia 13 de julho, da plenária dedicada à avaliação dos 15 anos do Estatuto. Também em Maceió, o balanço dos “avanços e perspectivas” do ECA foi realizado em seminário. Dra. Marluce Barbosa Pinto representou a Sociedade Alagoana de Pediatria.

18 de maio

Drª. Alda Elizabeth esteve presente, em Brasília, na solenidade de entrega ao presidente do Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente (Conanda), José Fernando da Silva, do documento “Diretrizes Nacionais para o Fortalecimento do Protagonismo Juvenil no Enfrentamento à Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes”. Em Boa Vista (RR), no encerramento da Semana contra o Abuso e a Exploração Sexual, realizada pela Prefeitura, Drª. Rachel Niskier, primeira secretária da SBP, ministrou palestra sobre o tema. Na capital fluminense, Drª. Rachel foi escolhida pelos demais conselheiros para receber homenagem da Assembléia Legislativa ao CEDCA/RJ no Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.

PATROCINADORES




Associados ASSOCIADOS

Acesse sua conta através de seu e-mail e senha.





 border=

 border=











INÍCIO|INSTITUIÇAO|CONGRESSOS & OUTROS EVENTOS|FALE CONOSCO

   
© Copyright 2010, SOCIEDADE BRASILEIRA DE PEDIATRIA

SBP - Sede
R. Santa Clara, 292 
Rio de Janeiro - RJ 
CEP:22041-012  
Fone: 21-2548-1999
Fax: 21-2547-3567

FSBP
R. Augusta, 1939/53 
Sao Paulo - SP   
CEP:01413-000
Fone: 11-3068-8618 / 8901 /
8675 / 8595
Fax: 3081-6892

SBP - RS
R. Carlos Gomes, 328/305 
Porto Alegre - RS   
CEP:90480-000
Fone: 51-3328-9270 / 9520

SBP - MG
Padre Rolim, 123/301 
Belo Horizonte - MG 
CEP:30130-090
Fone: 31-3241-1128 / 1422

SBP - DF
SRTN 702 Conj. P 2106 a 2108
Brasília - DF
CEP: 70719-900
Fone: 61-3327-4927 / 3326-5926