carregando...

Licença-maternidade no CREMERJ

Arquivo 23/05/2014

cremerj 2014

Dr. Eduardo Vaz participou, na terça-feira, na sede do Conselho Regional de Medicina do Estado do Rio de Janeiro (CREMERJ), da solenidade na qual o pediatra Sidnei Ferreira, presidente do Conselho, assinou o ato administrativo que prorroga a licença-maternidade das funcionárias da entidade para 180 dias. O evento contou também com a presença do dr. Edson Liberal, presidente da Sociedade de Pediatria do Estado do Rio de Janeiro (Soperj).

Sidnei Ferreira, que mantém a sua atuação no Instituto de Puericultura e Pediatria Martagão Gesteira da Universidade Federal do Rio de Janeiro, ressaltou que, mundialmente, os médicos reconhecem a importância da presença da mãe nessa fase crucial do crescimento e do desenvolvimento da criança. “No CREMERJ, há um grande número de profissionais mulheres. A decisão, portanto, ocorreu naturalmente e estamos felizes com isso”, disse.

Segundo o presidente da SBP, milhares de crianças e famílias já se beneficiam da extensão do prazo dessa licença – originada de um projeto de lei da própria Sociedade, em parceria com a então senadora Patrícia Saboya. “Os seis primeiros meses são insubstituíveis para o crescimento e para o desenvolvimento do bebê, para o fortalecimento do vínculo afetivo entre mulher e o filho e para o aleitamento materno exclusivo, conforme recomendamos”, destacou.

A primeira a usufruir do benefício será a médica fiscal do CREMERJ, Simone Assalie, que está grávida de 9 meses. “Só tenho a agradecer, pela oportunidade de poder ficar com meu filho e amamentá-lo por seis meses”.

Mais e melhor

licença maternidade 6 meses 2014 “Fazemos campanha pela adesão e é muito bom poder contar com o apoio e com o exemplo do CREMERJ”, assinalou Edson Liberal.

De acordo com a Lei 11.770/08, os dois meses extras – além dos quatro constitucionais – são opcionais para as mulheres e para as empresas, que podem solicitar o ressarcimento dos custos extras ao Governo, se inscrevendo no Programa Cidadã, pelo site da Receita Federal. Somente até fevereiro de 2012, cerca de 16 mil empresas já estavam participando. Os seis meses também estão garantidos no funcionalismo federal e para as servidoras dos 26 estados, do Distrito Federal e de mais de 150 municípios.

Assista o vídeo (versão 5’ e 10‘)_e convença mais um empresário!

Clique aqui e saiba mais!