carregando...

Ministério da Saúde atende reivindicação da SBP e começa a inserção do pediatra na Saúde da Família

Arquivo 15/10/2009

15/10/09 – “Dr. Dioclécio, agora é real. Me refiro à portaria 2281, que o Ministério da Saúde acaba de publicar no Diário Oficial”, disse a dra. Márcia Bassit, secretária executiva da pasta, em nome do Ministro José Gomes Temporão, sábado, durante a abertura do 34º Congresso Brasileiro de Pediatria, 6º Congresso Brasileiro de Otorrinolaringologia Pediátrica e 7º de Reumatologia Pediátrica, em Brasília.

Conquista histórica – Atendendo à reivindicação da SBP desde as gestões Lincoln Freire, quando dr. Dioclécio foi designado para coordenar Comissão incumbida de analisar e fazer sugestões sobre a Estratégia, o Ministério decidiu que agora cada Núcleo de Apoio (NASF) à Saúde da Família deve contar com pelo menos um pediatra nos municípios do Nordeste e da Amazônia Legal. A justificativa está no parágrafo quinto: “a necessidade de que sejam priorizadas ações para diminuição da mortalidade infantil” nestas regiões, conforme os objetivos expressos pelo Governo Lula. Em agosto, durante o evento comemorativo da Semana Mundial da Amamentação, em Salvador, o ministro Temporão já tinha dito ao presidente da SBP que estava trabalhando para isto, articulando as instâncias necessárias, e otimista quanto à possibilidade de avançar “pelo menos” nestas áreas.

Ministro Amigo da Criança e parceria ampla – Duas outras portarias foram publicadas pelo Ministério e anunciadas na abertura do Congresso: a que oficializa a parceria com a SBP na comemoração da Semana Mundial da Amamentação (SMAM/ Nº 2.394) e a que institui a Estratégia Brasileirinhas e Brasileirinhos Saudáveis (Nº 2.395 ) – destinada a promover a saúde na primeira infância. Para tanto, um Comitê Técnico-Científico foi instituído, com a presença da SBP.

Salientando a importância das conquistas e lembrando que nada disto foi fácil, e que certamente há muita coisa ainda por realizar, dr. Dioclécio anunciou que, também pelo apoio a outras importantes propostas da Sociedade, a SBP concedeu ao dr. José Gomes Temporão o título de Ministro Amigo da Criança. A solenidade foi realizada na véspera da abertura do Congresso, com a presença da equipe do Ministério, do dr. Jose Ênio Servilha Duarte, Secretário Executivo do CONASEMS, o  Conselho Nacional de Secretários Municipais de Saúde, que deu também seu decisivo apoio, e do dr. Dennis Burns, diretor da SBP e presidente da Sociedade de Pediatria do Distrito Federal (SPDF): “Fico muito feliz de ter participado de toda esta luta”, comentou o também presidente do 34º Congresso, e que na abertura fez a apresentação do evento. Na mesa dos trabalhos, também estavam o presidente de honra do evento, dr. Antonio Márcio Lisboa, e a presidente do 7º Congresso Brasileiro de Reumatologia Pediátrica, dra. Maria Custódia Machado Ribeiro.

Valorização do pediatra – “Quem vai ao pediatra, volta tranqüilo” é a frase da campanha apresentada pelo dr. Dioclécio na abertura, e que começa a ser veiculada na televisão, no rádio, em revistas, jornais e outdoors, pela SBP, em parceria com a Nestlé Nutrition. Com depoimentos reais de mães, pais, avós, avôs, crianças e adolescentes – e não de atores –,  o objetivo da mensagem é reforçar os benefícios por toda a vida de quem é bem assistido desde o nascimento. “Consulte seu pediatra regularmente. Saúde para seu filho. Tranquilidade para você” estampam as peças.

Participação, Tratado e autonomia financeira – Mais de 4.200 congressistas assistiram palestras, participaram de colóquios, mesas-redondas, apresentação de temas livres, lançamento de publicações, como a 2ª Edição do Tratado de Pediatria, revista e ampliada pelos Departamentos Científicos da Sociedade, sob coordenação dos organizadores Fabio Ancona e Dioclécio Campos Jr. (Manole, 2009). “Estou feliz”, comentou o dr. Dennis Burns, sobre o resultado do Congresso sob diversos pontos de vistas, com destaque para o objetivo central, de promoção de educação continuada de qualidade. “Também ficamos satisfeitos com a experiência de realização de shows, aproveitando melhor o espaço ocioso à noite e promovendo a confraternização, que também é muito importante”, disse.

Não é à toa que o diretor de Cursos e Eventos da Sociedade, dr. Ercio Amaro Filho, enfatizando o papel do planejamento minucioso, se refere a mais uma vitória: “do ponto de vista financeiro, agora, com o resultado do Congresso, acreditamos que será atingida a meta da autonomia da nossa instituição!”. O diretor comemorou “o grande significado disto, que inclui a possibilidade prática de garantia das inúmeras atividades da entidade nacional durante o ano, assim como da ajuda que é regularmente prestada às suas filiadas”. Mas o “mais notável é, sem dúvida, o êxito atingido no nível científico do evento”, completou.

Ressaltando que as pesquisas regulares de opinião que vêm sendo realizadas entre os participantes têm sido a base da nova identidade dos eventos da SBP, dr. Ercio assinalou que a organização continuará sendo aprimorada. Mas o fato é que o 34º Congresso Brasileiro de Pediatria “foi um marco nas mudanças em curso que visam melhor atender aos pediatras”, salientou, já aceitando a sugestão feita por Rebeca Garcia de Paula, de Goiânia, de incentivar mais ainda a apresentação de novos trabalhos. “O nível científico do evento foi muito bom”, disse a residente do Hospital das Clínicas da Universidade Federal. “Acho que a SBP tem sido atuante na promoção da saúde. Acompanhei a campanha pela licença-maternidade de seis meses e fiquei orgulhosa. Gosto de trabalhar com prevenção e orientando as famílias”, afirmou também, elogiando particularmente o livro Filhos. “Creio que todos precisamos nos empenhar, mostrando ao país o valor da pediatria”, finalizou a representante da futura geração.

. Leia na íntegra:
Portaria 2.281, sobre a inclusão da pediatria nos NASFParticipe também do trabalho junto aos gestores municipais!
Portaria Nº 2.394, sobre a parceria entre a SBP e o Ministério na comemoração da SMAM.
Portaria Nº 2.395, que institui a Estratégia Brasileirinhas e Brasileirinhos Saudáveis.
O texto da placa Ministro Amigo da Criança.

Relembre um pouco da história desta luta:

. SBP Notícias 58 – Maio/agosto de 2009

– Págs 6,7, 8, 9, 10, 11 e 12. Mobilização nacional da pediatria. Converse com os pais de seus pacientes! (nos vários estados)

 

. SBP Notícias 57 – Fevereiro/abril de 2009:

– Pág. 3: Muita luta e importantes conquistas (Sobre a Defesa profissional na saúde pública e privada);

– Pág. 4. Pediatria nas equipes de apoio ao PSF! (Carta do dr. Dioclécio ao Ministro Temporão, de 09 de janeiro de 2009).

. SBP Notícias 54 – Abril/Maio de 2008

– Pág. 6 e 7. Nove propostas e um compromisso (Documento ao Ministério da Saúde)

 

. SBP Notícias 53 – Fevereiro/Março de 2008

– Pág. 6. Volta redonda tem mortalidade infantil de um dígito

- Pág. 7: Governo Cria Núcleos de Apoio ao PSF. Para a SBP, é caminho de luta

SBP Notícias 48 - Abril/Maio 2007

– Pág. 6 e 7. Volta Redonda já inseriu a pediatria no PSF

 

. SBP Notícias 45 – Outubro/Novembro de 2006.

– Págs. 4, 5, 6 e 7. Mães querem filhos atendidos por pediatras (Pesquisa SBP e Instituto Datafolha).

 

. SBP Notícias 44 – Agosto/setembro de 2006

– Pág. 8 e 9: Pesquisas comprovam problemas do atendimento de crianças por não pediatras

 

. SBP Notícias 43 –  Junho / Julho 2006

– Pág. 5 a 7. Pediatria no PSF já! (mil pediatras fazem ato em frente ao Palácio do Planalto, e entregam documento com “razões para a inclsuão da pediatria do PFS)

 

. SBP Notícias 34 – Novembro/Dezembro 2004

– Pág 6 e 7. Conselho Superior luta pela inclusão da pediatria no PSF

 

. SBP Notícias 17 – Julho/Agosto de 2001

– Pág. 5. Todas as crianças e adolescentes têm direito à assistência pediátrica!

 

– Portal da SBP:

            – Sobre o ato público de mil pediatras no Palácio do Planalto:

16/ 06/2006. Pediatria no PSF já! Saiba mais sobre o ato público realizado em Brasília.  Entrevista do dr. Dioclécio à Rádio CBN e documento entregue ao Presidente Lula com 1.500 assinaturas

           – Sobre sala de parto (disponíveis também em Itens anteriores, a partir do destaque da capa):

– 30/12/08Reajustes na tabela do SUS para sala de parto e diária de UTI;

29/12/08: Sala de parto e respeito às crianças;

Para mais informações, veja em “Pediatria e Projetos de lei/Propostas para o sistema de saúde” a partir da capa ou em Departamento Científico/Defesa Profissional