carregando...

PARALISAÇÃO DE 21 DE SETEMBRO

Arquivo 19/09/2011

Movimento ganha força e pretende atingir planos em todo o país

Médicos estão insatisfeitos com o descaso das operadoras nas negociações sobre reajustes de honorários e com a interferências das empresas na autonomia dos profissionais

19/09/2011 – Os médicos darão cartão vermelho contra os abusos cometidos pelas operadoras, como a falta de reajustes de honorários ou a interferência na autonomia dos profissionais.  A paralisação é um desdobramento da mobilização nacional realizada em 7 de abril contra os problemas observados na saúde suplementar. Em cada estado, as entidades médicas decidirão a estratégia, definindo as empresas que deverão ser atingidas e divulgando previamente.

Dr. Mário Lavorato representou a SBP na reunião ampliada da Comissão de Saúde Suplementar (CFM, AMB e Fenan), informa que o movimento “está cada vez mais forte” e conclama os pediatras à participação. Lembrando o movimento iniciado pela SBP em 2009,  dr. Milton Macedo, diretor de defesa profissional, salienta que o pediatra é um profissional que “tem muito compromisso social” e “precisa mostrar seu valor”.

Assessoria de Comunicação da SBP com assessoria da AMB