carregando...

Paralisação dos médicos da Saúde Suplementar em 7 de abril

Arquivo 03/03/2011

As entidade médicas nacionais estão convocando para 7 de abril uma paralisação dos médicos que atuam no Sistema de Saúde Suplementar. A estratégia integra campanha por melhoria da remuneração e contra o desrespeito das empresas aos profissionais e às famílias. Leia, a seguir, a mensagem do dr. Eduardo Vaz aos pediatras e os textos da AMB, do CFM e Fenam e converse com seus pacientes:

Caro colega,

Os esforços que vimos desenvolvendo por melhoria na remuneração e nas condições de trabalho dos pediatras vêm somando conquistas. Desde julho de 2009, quando marcamos o Dia do Pediatra com mensagens do então presidente da SBP às filiadas, aos associados (com inúmeros retornos) e publicamos carta à população; quando os colegas de Brasília e a Sociedade de Pediatria do Distrito Federal, mobilizados, demonstraram às empresas que não aceitam desrespeito, mais que vitórias traduzidas nos valores de consultas, temos conseguido a recuperação da auto-estima e da consciência de nossa força e capacidade de articulação. Nosso movimento continua se ampliando, várias Sociedades de Pediatria têm recorrido às estratégias de paralisação do atendimento pelas guias dos convênios e de descredenciamento, nos casos em que as empresas são irredutíveis nas negociações. Em todo o processo, a unidade com as demais entidades médicas, o apoio dos colegas tem sido fundamental.

Se por um lado, o desrespeito dos planos e seguradoras de saúde continua, por outro, a disposição de luta vem contagiando todos os médicos. A decisão da AMB, do CFM e da FENAM, que estão convocando paralisação do atendimento aos usuários das empresas para 07 de abril tem nosso irrestrito apoio e contará com nossa ativa participação. Encaminho, a seguir, o texto das entidades médicas sobre as estratégias planejadas e a carta à população. Peço a cada um que entre em contato com a Sociedade de Pediatria do seu estado e leve seu apoio, suas ideias. Vamos nos reunir com os colegas de todas as áreas médicas e preparar um grande movimento! Converse também desde já com seus pacientes. Entregue a eles a carta dos médicos. Agende seus atendimentos para outra data, explicando que vamos parar em 07 de abril. Peço o firme envolvimento de cada pediatra e adianto que é total o da diretoria da SBP.

Um abraço fraterno,


Eduardo da Silva Vaz.