Valorização do pediatra é destaque em congresso no Centro-Oeste

Mais de 400 profissionais da área da saúde, entre médicos, psicólogos e residentes de medicina, participaram do Capco 2017 (Congresso de Atualização em Pediatria do Centro-Oeste), realizado entre os dias 22 e 24 de junho, no Centro de Convenções de Goiânia. O evento, voltado para quem atua no desenvolvimento e cuidados com crianças e adolescentes, teve na programação palestras e conferências ministradas por especialistas de renome nacional na pediatria. O foco foi apresentar ações atualizadas para a prática desta especialidade médica.

Além de temas como o uso de dispositivos tecnológicos sem supervisão, importância da leitura na infância e maneiras de tratar diferentes doenças, a programação do Capco 2017 enfatizou a necessidade da valorização dos pediatras. A presidente da SBP (Sociedade Brasileira de Pediatria), Luciana Rodrigues, explicou que a associação do profissional às sociedades regionais e nacional de pediatria é um grande passo para entender as necessidades da categoria e buscar atendê-las. “No Brasil, nós temos 35 mil pediatras, dos quais 22 mil fazem parte da SBP. A nossa ação associativa é muito importante, pois juntos somos mais fortes”, disse Rodrigues.

A integração entre os participantes do congresso foi outro ponto alto do Capco 2017. Acadêmicos de medicina e residentes tiveram a oportunidade de apresentar trabalhos científicos relacionados a crianças e adolescentes. Os melhores pôsteres foram premiados e alguns receberam menção honrosa. Para Beatriz Mendonça, que cursa o nono período de medicina e recebeu as duas formas de reconhecimento pelo material que produziu, essa abertura é fundamental como forma de incentivo ao público acadêmico. “Considero o evento muito importante para motivar a produção de trabalhos científicos, aprendizado, publicação e contato com a área médica. Inclusive, penso em ser pediatra”, contou Mendonça.

#Eupediatra

Cerca de mil camisetas da campanha “#eupediatra – Cuidando do futuro do Brasil” foram distribuídas durante o Capco 2017. A ideia foi chamar a atenção para a importância da especialidade na saúde e bem estar na população. A iniciativa da SBP, entidade idealizadora da campanha, foi recebida com grande entusiasmo pelos pediatras, que literalmente vestiram a camisa da campanha como símbolo de apoio à causa.

Campanha “Não seja um porre”

A apresentação de um vídeo educativo e a distribuição de panfletos sobre o movimento “Não seja um porre” marcou o lançamento de uma campanha durante o Capco 2017. Desenvolvida através de uma parceria entre a SGP (Sociedade Goiana de Pediatria) e a SPRS (Sociedade de Pediatria do Rio Grande do Sul), a campanha tem o intuito de conscientizar a sociedade sobre a ingestão de bebidas alcoólicas na fase da adolescência. Com o projeto, as Sociedades buscam ampliar o alerta para o problema através da divulgação do conteúdo nas redes sociais, palestras educativas em escolas e outras ações para informar e esclarecer os jovens sobre a necessidade de evitar o uso desse tipo de bebida.

Pediatra Solidário

Outra campanha apresentada no Capco 2017 foi o “Pediatra Solidário”. O projeto foi desenvolvido pela SPDF (Sociedade de Pediatria do Distrito Federal) e trazido para Goiânia com forte apoio e incentivo da diretoria da SGP. Focado no atendimento pediátrico gratuito de crianças e adolescentes vinculados a instituições sem fins lucrativos, o Pediatra Solidário terá a coordenação do médico Rosseny Marinho. O objetivo da medida é complementar os serviços prestados pelo SUS (Sistema Único de Saúde) e oferecer melhores condições de vida e saúde aos goianienses carentes dessa assistência, na fase da infância e adolescência

Nossos Endereços



Endereço: Quadra 201 Sul, Avenida NS-A, Conjunto 02, Lote 02 / Plano Diretor Sul / CEP: 77015-205

Telefone para contato: (63) 3225-5500 ou (63) 98468-5571 WHATSAPP

Email: pediatriatocantins@hotmail.com

Horário: das 09:00 às 12:00 e das 14:00 às 18:00