Associe-se

Com balanço positivo, 7º Simpósio de Reanimação Neonatal da SBP lança Manual com diretrizes atualizadas

Com mais de mil participantes, a 7ª edição do Simpósio de Reanimação Neonatal, realizado na última semana pela Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP), em parceria com a Sociedade Paranaense de Pediatria (SPP), recebeu avaliação positiva das coordenadoras do Programa de Reanimação Neonatal da SBP (PRN-SBP), dras. Maria Fernanda Branco e Ruth Guinsburg, bem como da presidente do evento, dra. Gislayne Nieto. O evento foi marcado ainda pelo lançamento do Manual de Reanimação Neonatal da Academia Americana de Pediatria (AAP) e da Associação Americana de Cardiologia (AHA), que está na sétima edição.

O novo Manual de reanimação, com as diretrizes mais atuais da neonatologia mundial, foi editado pelo dr. Gary M. Weiner, membro do Comitê do Programa de Reanimação Neonatal da AAP, e traduzido em português pelas coordenadoras PRN-SBP. “Esse Manual revela a sintonia entre o Programa de Reanimação da AAP e da SBP, o que confirma que o trabalho conjunto pode fazer bem a todos”, observa a dra. Ruth.

Com 326 páginas bem ilustradas, o Manual emprega uma mistura de abordagens didáticas,  além de discussões pós-treinamento com ênfase na liderança, comunicação e trabalho em equipe. “O que se destaca entre os capítulos são os fundamentos da reanimação neonatal, o preparo para a reanimação, a ventilação com pressão positiva, as vias aéreas alternativas e a intubação em reanimação avançada”, enfatiza a dra. Maria Fernanda.

A publicação reflete ainda as Diretrizes para a Reanimação Cardiopulmonar e para o Cuidado Cardiovascular de Emergência no Recém-nascido da AAP e AHA, divulgadas em 2015. O novo material inclui as últimas recomendações nas diversas áreas em que houve mudanças importantes nas diretrizes, o que inclui tempo para o clampeamento do cordão umbilical; concentração de oxigênio durante a reanimação; conduta diante de líquido amniótico meconial; monitorização cardíaca eletrônica durante a reanimação; estimativa da profundidade da inserção da cânula traqueal; entre outros.

O manual, extensamente revisado, inclui também novas abordagens para ampliar o aprendizado, com foco no trabalho em equipe e com exemplos de habilidades comportamentais importantes para a reanimação neonatal que podem ser aplicadas no contexto de cada aula. A publicação tem ainda um espaço destinado às perguntas frequentes, com várias questões a respeito de seu conteúdo; as considerações éticas no contexto de cada aula; além da leitura adicional, com escolha do editor de artigos científicos relacionados ao conteúdo de cada aula.

Por quase 30 anos, o Programa de Reanimação Neonatal norte-americano (Neonatal Resuscitation Program – NRP, em inglês) tem ajudado os profissionais de saúde a adquirir conhecimentos e habilidades para executar a reanimação neonatal. “Temos as nossas diretrizes próprias que são semelhantes às da AAP. No entanto, é importante que os pediatras conheçam a literatura americana no que se refere à reanimação neonatal”, observa a dra. Maria Fernanda.

VENDA – Foram impressas duas mil unidades do exemplar, que estão à venda na sede da Fundação Sociedade Brasileira de Pediatria (FSBP), em São Paulo (SP). Os interessados em adquirir o novo Manual podem entrar em contato com a secretaria do PRN-SBP, à Alameda Jaú, 1742, 5º andar/51, Cep. 01420-002, bairro Cerqueira Cesar, ou pelo telefone (11) 3068-8595 ou email reanimacao@sbp.com.br.


Nossos Endereços

SBP-Sede • R. Santa Clara, 292 - Rio de Janeiro (RJ) - CEP: 22041-012 • 21 2548-1999 

FSBP • Alameda Jaú, 1742 – sala 51 - São Paulo (SP) - CEP: 01420-002 • 11 3068-8595 / 8618 / 8901 / 8675 • Fax: 3081-6892 

SBP-RS • R. Carlos Gomes, 328/305 - Porto Alegre (RS) - CEP: 90480-000 • 51 3328-9270 / 9520 

Memorial • Rua Cosme Velho, 381 - Cosme Velho (RJ) - CEP: 22241-125 • 21 2245-3110