Açúcar na infância: limites mais rígidos

Publicado em 21 julho de 2017 – por Chloé Pinheiro

É muito mais fácil do que se imagina para uma criança abusar do açúcar. Especialmente porque os 25 gramas presentes nas colheradas – o novo limite estipulado pela Associação Americana do Coração para os pequenos acima de 2 anos – dizem respeito apenas ao açúcar de adição  

(...)Veja, não é para banir as guloseimas de vez. Os especialistas são unânimes em dizer que a saída é o consumo consciente – e a educação sobre o assunto tem que começar cedinho. A primeira lição, endossada pelo grupo de cardiologistas americanos, é evitar o açúcar adicionado antes dos 2 anos. “Nessa fase, o paladar está se desenvolvendo. Quando a oferta açucarada se inicia aí, o bebê fica acostumado a esse sabor”, ensina a nutróloga Jocemara Gurmini, da Sociedade Brasileira de Pediatria. Leia mais