Junho Laranja: SBP e SBQ engajadas em campanha nacional pela prevenção de acidentes com queimaduras

postado 06/03/2020

A Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP), em parceria com a Sociedade Brasileira de Queimaduras (SBQ), conclama os especialistas de todo País a mobilizar esforços em prol da campanha Junho Laranja, cujo objetivo é alertar sobre os riscos dos acidentes com queimaduras. Neste ano, a iniciativa tem como foco o público infantojuvenil, grupo que corresponde a quase metade dos episódios, segundo a SBQ.

CLIQUE AQUI PARA ACESSAR O SITE DA CAMPANHA

Em razão da pandemia de COVID-19, nesta edição, a ação conta com programação diferenciada. A partir de 1º de junho, diferentes monumentos de Brasília (DF) serão iluminados com a cor laranja, em alusão à simbologia do mês. Em 6 de junho, Dia Nacional de Luta contra Queimaduras, ocorrerá uma live destinada ao público em geral. A apresentação virtual terá o intuito de sensibilizar e chamar a atenção para situações de perigo preveníveis.  

Além disso, no dia 18 de junho, será realizada uma live com conteúdo científico, voltada para profissionais que lidam diretamente com pacientes vítimas de queimadura. O material completo da campanha de conscientização pode ser encontrado acessando o link

De acordo com a presidente da SBP, dra. Luciana Rodrigues Silva, os acidentes domésticos correspondem a uma parcela significativa dos agravos à saúde de crianças e adolescentes no Brasil. No entanto, o emprego de simples atitudes preventivas podem auxiliar a mudar esse cenário.

“O preparo de algum alimento ou até mesmo o armazenamento inadequado de produtos inflamáveis são situações de perigo em potencial, especialmente para as crianças menores. Por esse motivo, a SBP vem investindo cada vez mais em iniciativas que levam informações úteis às famílias. No último mês, o Departamento Científico de Segurança da SBP lançou um documento com dicas especificas para evitar intercorrências nesse período de quarentena”, afirma.

CLIQUE PARA ACESSAR A PUBLICAÇÃO DA SBP

Na avaliação da especialista, é fundamental que no dia a dia de atendimentos o pediatra converse com seus pacientes e respectivos familiares, alertando sobre os riscos mais recorrentes e esclarecendo eventuais dúvidas acerca das medidas de proteção que podem ser implementadas no ambiente doméstico. Algumas das recomendações específicas para evitar acidentes com queimaduras, listadas no documento científico da SBP, são:

  • Na hora do banho do bebê, ao usar banheira ou baldes e bacias, colocar primeiro a água fria, depois a quente para atingir a temperatura corporal (36º C). Sempre experimente a temperatura com a região de antebraço;
  • Quando oferecer algum alimento, lembre sempre de chacoalhar a mamadeira para uniformizar o calor e de testar a temperatura na região interna de antebraço. Nunca deixe o bebê mamando sozinho, nunca o alimente no berço ou deitado em carrinho, pois ele pode engasgar, aspirar e sufocar;
  • Não cozinhe com o bebê no colo. Fogão e criança não combinam;
  • A cozinha é o lugar de maior risco para queimaduras e outros acidentes domésticos. Deve ser proibida para a criança e seu acesso impedido por portão. Na impossibilidade, é mais prudente sempre usar as bocas de trás do fogão;
  • Fogueiras, churrasqueiras, braseiros e fogos de artifício não são coisas para se deixar acessíveis às crianças de nenhuma idade;
  • Nunca manipule substâncias inflamáveis com o bebê no colo ou por perto.

Segundo ressalta ainda o presidente da SBQ, dr. José Adorno, a campanha de prevenção às queimaduras será bem-sucedida quanto mais agentes sociais estiverem envolvidos na mobilização.

“Atualmente, temos um grande número de pessoas e instituições atuando num esforço coletivo. Para garantir o bem-estar de crianças, adolescentes e também adultos, é importante caminhar de braços dados – pacientes, voluntários, sociedade civil organizada e governo – em busca de mais prevenção e acesso a tratamento adequado e humanizado. É uma missão coletiva”, conclui ele. 


Eventos
Nossos Endereços

SBP-Sede • R. Santa Clara, 292 - Rio de Janeiro (RJ) - CEP: 22041-012 • 21 2548-1999 

FSBP • Alameda Jaú, 1742 – sala 51 - São Paulo (SP) - CEP: 01420-002 • 11 3068-8595 

SBP-RS • Av. Carlos Gomes, 328/305 - Porto Alegre (RS) - CEP: 90480-000 • 51 3328-9270 / 9520