SBP participa de workshop de atualização sobre o coronavírus, organizado pela Força Nacional do SUS

O Ministério da Saúde promoveu nesta terça-feira (10), em Brasília (DF), um workshop para discutir com especialistas nacionais e internacionais estratégias de manejo para os casos graves do coronavírus (COVID-19). O evento integra as ações de aprimoramento da resposta nacional, organizado pela Força Nacional do Sistema Único de Saúde (SUS), em parceria com a Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS/OMS), no intuito de conter o avanço da doença no país e em todo o continente.

Na oportunidade, o presidente do Departamento Científico de Infectologia da Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP), dr. Marco Aurélio Sáfadi, e o presidente do Departamento Científico de Imunizações da SBP, dr. Renato Kfouri, participaram da reunião, representando a pediatria brasileira.

“Ainda há poucos relatos no mundo sobre o manejo de casos graves do coronavírus, assim como dos episódios em gestantes e crianças. O workshop teve como objetivo justamente ajudar a discutir quais as estratégias são mais adequadas, organizar o atendimento dos pacientes e elaborar um documento que servirá como guia para todo o continente americano, sobre como manejar clinicamente a infecção, desde o isolamento até o tratamento”, afirmou o dr. Renato Kfouri.

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, abriu a reunião e o diretor do Departamento de Imunização e Doenças Transmissíveis do Ministério, Júlio Croda, apresentou os dados mais recentes da doença no Brasil. O evento contou ainda com apresentação de especialistas dos Estados Unidos, Espanha e Equador, que relataram experiencias sobre como está sendo feito o manejo clínico em seus respectivos países.

Além da SBP, estivera presentes representantes de entidades como a Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI), Sociedade Brasileira de Medicina Tropical (SBMT), os Conselhos Nacional e Municipais de Saúde, entre outros. O evento continua amanhã, com mais debates e a elaboração de um protocolo de assistência e atendimento aos pacientes com a doença nas diferenças faixas etárias (crianças, gestantes, adultos e idosos).

PRECAUÇÕES – Desde o dia 3 de fevereiro, o Brasil declarou Emergência de Saúde Pública de Importância Nacional em função do COVID-19. De acordo com o dr. Marco Aurélio, num momento de grande incerteza sobre as particularidades do novo vírus, estão mantidas as recomendações básicas de prevenção, sendo a principal delas a correta lavagem das mãos, com devida limpeza dos punhos, palmas, dorsos, dedos e esfregando unhas.

“É fundamental evitar alardes desnecessários. Precisamos reforçar as indicações de higiene e atuar na prevenção. Caso haja realmente a suspeita de infecção, assim como em qualquer outra doença respiratória, o paciente deve procurar um médico e evitar aglomerações, uma vez que a gripe é transmissível – seja ela causada pelo COVID-19 ou não”, ressaltou.

Além da limpeza das mãos, os especialistas destacam também a importância de manter em dia a limpeza da casa, computadores e smartphones. O ideal é deixar os ambientes arejados e, se possível, também disponibilizar em locais de fácil acesso álcool em gel para higienização.

Confira todas as orientações da SBP sobre a COVID-19 em https://www.sbp.com.br/especiais/covid-19/ 


Eventos
Nossos Endereços

SBP-Sede • R. Santa Clara, 292 - Rio de Janeiro (RJ) - CEP: 22041-012 • 21 2548-1999 

FSBP • Alameda Jaú, 1742 – sala 51 - São Paulo (SP) - CEP: 01420-002 • 11 3068-8595 

SBP-RS • Av. Carlos Gomes, 328/305 - Porto Alegre (RS) - CEP: 90480-000 • 51 3328-9270 / 9520