carregando...

SBP reverte valor da remuneração da visita hospitalar

Defesa Profissional 16/12/2015

milton-macedo2015

Depois de dez anos de intenso trabalho, a AMB atendeu à solicitação da SBP e reconsiderou o porte da visita hospitalar, que ficou definido em 2B, significando um aumento de 31,8% na remuneração profissional do pediatra em relação ao porte 2A. A reivindicação foi apresentada pela diretoria da Sociedade à reunião do  Conselho de Defesa Profissional da AMB realizada em julho, em São Paulo.

Segundo o dr. Milton Macedo, diretor de Defesa Profissional da SBP, o porte já estivera estipulado em 2B, mas em 2005 foi mudado para 2A. “Na época, a Sociedade era presidida por Lincoln Freire e eu já atuava na Defesa Profissional. Juntamente com o drs. Eduardo e Dioclécio, fizemos um documento com nossa argumentação. Mas sempre que mudava a diretoria da AMB o ofício se perdia e éramos obrigados refazer o pedido”, relembra.

A atualização do porte beneficia não apenas os pediatras, mas também as demais especialidades médicas remuneradas com o procedimento. Ocorre que para o pediatra é mais significativa, explica o presidente, Eduardo da Silva Vaz. É que na maioria das especialidades cirúrgicas a visita hospitalar já está incluída no preço da cirurgia. Mas o pediatra não tem isso, nosso único procedimento é a consulta. “Para a pediatria, o avanço é muito relevante”, diz.

“Agradecemos aos diretores da AMB, o presidente Florentino de Araújo Cardoso Filho e o presidente da Câmara Técnica Permanente da CBHPM, Emílio César Zilli, e também aos membros da Comissão Nacional de Honorários Médicos, pela correção da falha”, salienta o dr. Milton.

Clique aqui para ler a Resolução Normativa CNHM nº 020/2015.